Galeria de Fotos

Não perca!!

Banner

Internacional

O secretário-geral da Otan, Anders Fogh Rasmussen, descartou nesta quarta-feira (15) uma possível participação da Aliança Atlântica em uma missão internacional de paz na Síria, como foi proposto pela Liga Árabe.

- A Otan não tem nenhuma intenção de intervir na Síria.

O secretário-geral aliado ressaltou que a organização "aprecia todos os esforços para conseguir uma solução ao conflito" sírio e defendeu a necessidade de um enfoque "regional".

No domingo, a Liga Árabe levantou a possibilidade do envio de uma missão de paz internacional à Síria com forças de países da organização e das Nações Unidas. A iniciativa foi imediatamente rejeitada pelo regime de Damasco.

Até agora, o Conselho de Segurança da ONU não conseguiu aprovar nenhuma resolução de condenação contra a Síria por causa dos vetos da Rússia e da China.

Segundo diversas fontes, Moscou quer evitar a todo custo que se repita o caso da Líbia, quando uma resolução das Nações Unidas abriu passagem a uma intervenção da Otan.

A Aliança, de todo modo, se encarregou de evitar em várias ocasiões possíveis paralelismos entre os dois países e até agora garantiu que não atuará no conflito sírio.

Nesta quarta-feira, Rasmussen condenou mais uma vez a "repressão" por parte do regime de Bashar al Assad e defendeu a necessidade de dar uma resposta às aspirações de liberdade e democracia do povo sírio.

 

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br