Galeria de Fotos

Não perca!!

Nacional

 Brasileiros gastam 16,8 horas com atividades de casa (Foto: Reprodução)
Brasileiros gastam 16,8 horas com atividades de casa (Foto: Reprodução)

Elas gastam 21,3 horas nestas atividades, enquanto eles destinam 10,9 horas. Mesmo empregadas, mulheres dedicam 8h a mais a serviços de casa que eles

A artesã Maria* precisou deixar o trabalho para cuidar do filho e, desde então, gasta mais horas do dia com atividades domésticas e cuidados com a criança do que o companheiro, com quem mora há 3 anos.

A realidade de Maria é a da maioria das brasileiras e está expressa na pesquisa Outras formas de trabalho 2018, divulgada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) na manhã desta sexta-feira (26).

Segundo os dados, as mulheres trabalharam quase o dobro do tempo do que os homens nos afazeres domésticos e cuidados com outras pessoas em 2018.

O levantamento mostra que a média de horas gastas por semana por mulheres é de 21,3 horas, ou seja, 10,4 horas a mais por semana do que os homens, que gastam 10,9 horas com as atividades.

Hoje, Maria só tem ajuda do companheiro quando pede ajuda. "Parece implícito que a maior parte das tarefas são minhas. Se não a maior parte, todas", afirma, ao dizer que fica em casa o dia inteiro.

A média, considerando homens e mulheres, é de 16,8 horas no Brasil.

A região Nordeste teve a maior diferença de horas entre homens e mulheres (11,5 horas), enquanto a Norte teve a menor (8,5 horas).

Os homens ocupados são os que gastam menos horas semanais com este tipo de trabalho (10,2 horas), enquanto as mulheres na mesma situação gastam 18,5 horas por semana.

Considerando os homens e mulheres não ocupados, as mulheres mais uma vez aparecem como as principais responsáveis por afazeres domésticos e cuidados com outras pessoas. Estas usam 23,8 horas por semana para as atividades, enquanto os homens gastam 12 horas da semana para isto.

A contabilista Bruna, que pediu para não ter o sobrenome divulgado, trabalha e também vê uma diferença grande de tempo que gasta nas atividades domésticas em comparação com o namorado. Bruna trabalha em uma cidade diferente da que mora e é responsável pela maior parte das tarefas de casa e do cuidado da filha.

No dia a dia, o namorado fica responsável apenas por lavar a louça e limpar a caixa de areia do gato de estimação.

Além dessas atividades e do trabalho, Bruna também usa parte do dia para estudar. "Sábado é sempre uma discussão, porque a gente limpa a casa junto, mas ele leva três horas para limpar a cozinha e sobra o resto para mim".

Atividades

No Brasil, 31,8% das pessoas, e alguma forma, cuidam de outras pessoas, sendo que homens representam 26,1% do total e mulheres, 37%.

Considerando os afazeres domésticos, os homens só superam as mulheres nos pequenos consertos e reparos em casa.

Em todas as outras atividades, as mulheres são as que mais atuam: preparar ou servir alimentos, arrumar a mesa ou lavar a louça, cuidar da organização da casa, cuidar dos animais domésticos, limpar e manter roupas e sapatos, limpar o domicílio e fazer compras e pesquisar preços.

Classificações da pesquisa


Os cuidados com pessoas incluem as seguintes atividades: auxiliar nos cuidados pessoais (alimentar, vestir, pentear, dar remédio, dar banho, colocar para dormir), auxiliar em atividades educacionais, ler, jogar ou brincar, monitorar ou fazer companhia dentro do domicílio e transportar ou acompanhar para escola, médico, exames, parque, praça, atividades sociais, culturais, esportivas ou religiosas.

Já os afazeres domésticos incluem preparar ou servir alimentos, arrumar a mesa ou lavar as louças, cuidar da limpeza ou manutenção de roupas e sapatos, fazer pequenos reparos ou manutenção do domicílio, do automóvel, de eletrodomésticos ou outros equipamentos, limpar ou arrumar o domicílio, a garagem, o quintal ou o jardim, cuidar da organização do domicílio (pagar contas, contratar serviços, orientar empregados e cuidar dos animais domésticos.

Li4vLi4vLi4vaW1hZ2VzL3N0b3JpZXMvMjAxNi9NYXJjby8wMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwMDAwNTgyODgucG5nJmFtcDt3PTkwMCZhbXA7aD02MDAmYW1wO3E9OTAmYW1wO3pjPTA=.jpg

Veja também:

Cármen Lúcia suspende ação e barra 'cura gay'

"Nunca vi o Supremo tão exposto como agora", diz jurista e magistrada baiana, Eliana Calmon

Reforma da Previdência é aprovada na CCJ da Câmara: saiba próximas etapas da tramitação

CCJ da Câmara deve votar relatório da reforma da Previdência

Governo anuncia novas regras para a Lei Rouanet

Clique aqui e siga-nos no Facebook

 

Camaçari Fatos e Fotos LTDA
Contato: (71) 3621-4310 | redacao@camacarifatosefotos.com.br, comercial@camacarifatosefotos.com.br
www.camacarifatosefotos.com.br